segunda-feira, 6 de junho de 2016

FRUSTAÇÃO NA POSSE DOS AGENTES DE CANDEIAS.

Agentes de Endemias do Município de Candeias são empossados sem assinar o livro de posse e sem receber o termo de posse. 




Os agentes de Endemias do município foram convidados para comparecer a Câmara Municipal no dia 06/06/2016 para serem empossados ao cargo público, onde perante a lei isso já deveria ter  ocorrido trinta dias  após eles terem ingressados através do concurso público, ou seja,  desde do ano passado quando iniciaram suas atividades laborais de campo ( 05/03/2015) e que por sinal só foram nomeados no dia 28/07/2015 depois de uma determinação do Ministério Público. Mais já como não se bastasse tudo isso ainda tiveram que passar por constrangimentos no dia em que pensaram que seria de alegria, pois o  Excelentíssimo senhor Prefeito Sargento Francisco depois de um discurso eleitoreiro entregou somente dois termos de posse aos lideres de associações locais prometendo entregar o restante da categoria posteriormente.

A categoria que estava ali ansiosa para receber seu termo de posse ainda tiveram que se contentar em não assinar o livro de posse, pois segundo informações encontrava-se desatualizado.

Lamentável e frustrante tal ocorrido, esperava-se mais consideração pelo servidor de tão grande relevância para a sociedade.


                               

A pergunta que não quer calar!

Será que os ACEs foram chamados realmente para serem empossados ou o Prefeito Sargento Francisco já começou sua CAMPANHA ELEITORAL?


Postado por: Diretoria de Comunicação da ADEMACEN.
  

domingo, 5 de junho de 2016

PARABÉNS!



A ADEMACEN parabeniza a UNEB que em parceria com a DCV, PMS, SMS, CCZ, Coordenação e Mobilizadores do Cabula "A" realizaram nesta sexta-feira(03/06/2016) a II Atualização sobre Dengue, Chikunguinya e Zika para Agentes de Combate às Endemias.


Na oportunidade se fizeram presentes agentes da coordenação do Cabula A, Boca do Rio e Liberdade A e B.


 Programação do evento:
  • Situação Epidemiológica do município de Salvador com Dra. Isabel Cristina S. Guimarães-CCZ.
  • Projeto de Mobilização com Dr. Péricles Pereira Pires Filho e Dra. Ana Lucia Galvão Sales-CCZ.
  • Imunopatologias-Microcefalia, Síndrome Neurologia Guillain Barré com Dra. Maria de Fátima Brazil dos Santos Souto-UNEB.
  • Diagnósticos da Febre Zika, Chikunguinya e Dengue com Dr. Gúbio Soares Campos -UFBA. 
  • Exposição do mosquito vetor, medidas de controle e prevenção com o grupo Xô Xô Dengue.
São oportunidades como essas que capacitam, valorizam e  levantam a auto estima dessa categoria que faz do seu melhor com as condições que lhes dão no campo em prol do seu trabalho.

Postado por: Diretoria de Comunicação da ADAMACEN.

    CONVOCATÓRIA PARA ACS E ACE CONVALIDADOS


     


    A ADEMACEN vem através deste convocar todos os acs e ace convalidados para sua próxima reunião no Centro de Cultura da Câmera de Vereadores de Salvador no dia 14/06/2016 às 14hs onde estará recolhendo os documentos necessários para dar entrada nos processos.Todos documentos deveram serem entregues dentro de um envelope com nome e telefone.


    Documentos:

    • Xerox RG
    • Xerox CPF
    • Contra-cheques (1 de cada ano entre 2002 e 2016).
    • Xerox Carteira de trabalho (parte da foto/parte dos documentos/parte assinada pelo município e parte de anotações da mudança de regime).
    • Comprovante de Residência.




    Fomos informados que muitos estão tendo diversos problemas com o banco BMG ligados à empréstimos consignados e nossos advogados se colocarão a disposição para pegar também esses casos pois os mesmo já ganharam muitos processos nessas questões relativas a essa instituição. Aos que tiverem interesses deverão comparecer munidos dos mesmos documentos acima citados sendo que os contra cheques deverão ser somente aqueles que estão tendo o desconto do consignado.

    terça-feira, 31 de maio de 2016

    TESTE RÁPIDO DO ZIKA EM VINTE MINUTOS

    Foi lançado nesta terça-feira (31), em Salvador, pela Fundação Bahiafarma, o primeiro teste rápido nacional do zika vírus, que apresenta resultado em 20 minutos. O exame será fabricado na Bahia para atender a demanda do Ministério da Saúde, com previsão inicial de produção de 500 mil testes por mês.



    De acordo com a Fundação, esse é o primeiro teste rápido nacional que obteve autorização para autorização para comercialização e produção pela Anvisa. O exame detecta a doença em qualquer fase, porque faz o diagnóstico por meio dos anticorpos desenvolvidos pelo corpo da pessoa infectada. O teste é diferente de outros que usavam a técnica “PCR”, que detecta apenas o vírus em si e demorava semanas para apresentar resultado.
    “Este teste permite encontrar não o vírus, mas a resposta do organismo ao vírus. O teste anterior precisava ser levado a laboratório. Este aqui é rápido e basta separar o soro do sangue e já temos o resultado em 20 minutos. O diagnóstico é sorológico”, explica o secretário de Saúde Fábio Vilas Boas.
    Conforme o secretário, com o teste rápido, é possível ampliar o acesso ao diagnóstico em qualquer posto de saúde do país. "O Ministério da Saúde deverá anunciar o seu protocolo para utilização de testes rápidos, de acordo com a Política Nacional de Saúde. Esse teste será oferecido ao SUS de todo país e distribuído aos postos de saúde, UPAs e laboratórios. A previsão é que, após a ordem de compra do Ministério da Saúde, estejamos entregando [o primeiro lote de testes] em 30 dias", diz Vilas Boas.

    Se o resultado for negativo, o dispositivo apresentará apenas um indicador vermelho e, se for positivo, serão revelados dois indicadores vermelhos.O dispositivo para teste rápido é composto por dois itens, que utilizam uma pequena amostra do soro do paciente. O primeiro reage ao anticorpo denominado “IgM” e faz o diagnóstico de infecções recentes, de até duas semanas. Já o segundo reage ao anticorpo “IgG, que identifica infecções há mais tempo.
    O teste rápido foi desenvolvido por meio de parceria entre a Bahiafarma e a empresa sul-coreana Genbody. A pesquisa durou dez meses e o teste já conta com registro da Anvisa, que liberou o uso na segunda-feira (30).
    A Bahiafarma é um laboratório farmacêutico público, ligado ao governo do estado, que busca desenvolver produtos, serviços e inovação tecnológica para a saúde pública. O diretor da fundação, Ronaldo Dias, diz que ainda não é possível avaliar o custo de cada um dos testes e o valor de comercialização, porque dependem da quantidade de exames que a Bahiafarma vai produzir.
    "O custo desse produto está relacionado a quantidade que vai ser utilizada. O uso é totalmente novo. Não se existia uma ferramenta epidemiológica para inquéritos até o momento. Estamos trabalhando para que tenha o menor custo possível, para ampliar o acesso à população nesse momento”, afirma.
    Segundo a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), nos últimos 12 meses, foram notificados 105 mil casos suspeitos de zika na Bahia. Somente em 2016, até o dia 5 de maio, foram 36.725 casos registrados.


    Fonte: G1
    Postado por: Diretoria de Comunicação da ADEMACEN

    quinta-feira, 26 de maio de 2016

    ASSEMBLÉIA DE CANDEIAS

    Categoria de Candeias

    Na manhã desta quarta feira(25/05/2016) foi realizada uma assembléia no auditório do SINDQUIMICA no município de Candeias onde a categoria de Agentes de Endemias lotaram o local atendendo o chamado da sua associação ADEMACEN que foi representada pelo seu Presidente Fabrízio Oliveira , vice  Sergio Trindade, diretor de assistência social Paulo Cerqueira, diretores de evento Luis Gessegue e Otávio, coordenadores de Candeias Hernandes, Rosana e Escarlate e os advogados da associação Dr. Adaílton e Dr. Ricardo.


    Diretores,Coordenadores e Advogados

    Na oportunidade foram abordados vários assuntos de irregularidades que a categoria sofre por parte do município que são eles:
    -FGTS(Onde após a transmutação ainda não foi liberado para saque)
    -Férias(Não é pago 1/3 do valor sobre o salário para o gozo de férias que é um direito do trabalhador)
    -Rescisão contratual
    -Vale transporte
    Os advogados da ADEMACEN Dr, Adaílton e Dr, Ricardo entrarão com ações individuais na justiça do trabalho contra a Prefeitura de Candeias.Foi recebido várias queixas sobre o Banco BMG com relação a cobranças indevidas onde serão analisadas e se necessário será movido também ações contra esta instituição.

    Documentos necessários para dar entrada nas ações contra a prefeitura de Candeias:
    • Extrato analítico do FGTS
    • Os três últimos contra cheques
    • Xerox da CTPS com a data de admissão
    • Xeros do RG e CPF
    • Xerox do comprovante de Residência
    • Procuração preenchida e assinada

    Documentos necessários para entrar com ação contra financeira:
    • Contrato de consignação
    • RG
    • CPF
    • Comprovante de residência
    • Procuração preenchida e assinada

    Todos os documentos deveram serem entregues dentro de um envelope com nome e telefone para contato aos coordenadores da Associação Hernandes, Rosana ou Escarlate.


    Ademacen reafirma seu compromisso com toda categoria e estará sempre pronta e disposta para brigar pelos interesses dos agentes onde quer que seja!



    Postado por: Diretoria de Comunicação